Studio Ghibli situação indefinida

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Studio Ghibli situação indefinida

Mensagem por marcelo l. em Seg Set 08, 2014 8:04 pm

Hayao Miyazaki anunciou há pouco menos de um ano que estava se aposentando. Tinham sido tantas vezes que tinha acontecido com muitos de nós estavam relutantes em acreditar, mas parece que desta vez era final, porque basta saber que Ghibli vai fechar seu departamento de anime e, portanto, não verá mais estúdio de cinema que nos deu pérolas como " Princesa Mononoke "(" Mononoke-hime ", Hayao Miyazaki, 1997) ou" Ponyo "(" Gake no Ue no Ponyo, Hayao Miyazaki, 2008) .

O estudo teve algum tempo, dependendo do sucesso de seu filme mais recente de fazer avançar a próxima, porque os custos estavam ficando mais altos. Aparentemente, os fracos resultados económicos alcançados por " The Tale of Princess Kaguya "(" Kaguya-hime no Monogatari ", Isao Takahata, 2013) foram o outro fator-chave para a decisão que foi tomada há alguns meses, mas não Ele tem sido conhecido até agora para tornar público Toshio Suzuki , produtor da empresa, em uma entrevista na televisão.

Suzuki diz que não descarta tentar novamente no futuro, mas a realidade atual é que a seção de animação vai ser desmontado e todos os trabalhadores despedidos . Sim, Ghibli permanecerá aberto para gerir os direitos de suas marcas e nada mais. A má notícia para os amantes do cinema em geral e animação, em particular.

Atualizado 2014/04/08 : Suzuki já esclareceu que o fechamento é temporário, mas também que é possível parar de fazer filmes. Por enquanto, a equipe de produção foi demitida pelos altos custos envolvidos em tê-los na equipe.

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

Achei o texto do blog espanhol melhor que os que encontrei em português, bem sobre os filmes do Studio Ghibli e japoneses em particular a distribuição é muito ruim, O The Tale of Princess Kaguya acho que só passou em festivais no boxofficemojo o lançamento será October 17, 2014...Wind Rises mesmo priorizaram o circuito de festivais ao circuito de cinemas, tanto que se refletiu na venda de ingressos, 95.6% dele foi no Japão.



avatar
marcelo l.
Farrista "We are the Champions"
Farrista

Mensagens : 6739
Data de inscrição : 15/06/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum